The White Room – Um restaurante com história que se estreia no guia Michelin

Feche os olhos e imagine-se numa sala decorada, das paredes aos pratos, em tons de branco e bronze, a desfrutar de uma experiência gastronómica singular, digna de uma estrela Michelin. Bom demais para ser verdade? Não se estiver em Amsterdão.

O The White Room é o restaurante de cozinha de autor do chef Jacob Jan Boerma, liderado pelo chef de cuisine Arturo Dalhuisen. Abriu portas há um ano e meio no “Witte Zaal”, do NH Collection Grand Hotel Krasnapolsky, e já recebeu elogios vindos dos quatro cantos do mundo. Um reconhecimento que valeu ao restaurante um lugar no guia Michelin de 2018.

“Não nego que sonhámos com a possibilidade de conseguir a estrela, mas nunca foi a nossa motivação. Queremos criar uma experiência excecional aos nossos clientes e estou convencido de que só assim podemos alcançar a perfeição”
Chef Arturo Dalhuisen

Foi o mote que inspirou a carta do The White Room, onde brilham ingredientes frescos e sazonais. O chá, a truta, o queijo cottage, a cenoura, o cítrico, a torta francesa de limão e os éclairs de cheesecake são sabores que se destacam no menu criado pelos chefs Arturo Dalhuisen e Jacob Jan Boerma (na imagem), este último já premiado com três estrelas Michelin no seu restaurante De Leest, em Vaassen.

Além das propostas à la carte, o restaurante tem disponíveis o menu ‘Impression’, que inclui quatro pratos e custa 65€; o menu ‘Sensation’, que inclui seis pratos por 85€; e o menu ‘The White Room’, que inclui oito pratos por 105€.

“A mãe natureza manda, eu cumpro. Tento seguir-lhe o rasto, ela dita a qualidade, eu adiciono o sabor. Enquanto chef, incluo o meu toque pessoal, privilegiando os sabores frescos, com tons de ácidos e especiarias. À vista ou não, esses elementos estarão sempre presentes nos meus pratos”
Chef Jacob Jan Boerma

O nome do restaurante deriva de ‘De Witte Zaal’, nome dado ao restaurante que abriu pela primeira vez naquele espaço, em 1885. O local pode, por isso, ser considerado o restaurante mais antigo de Amsterdão.

+0 -0
Total
15
Shares

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   000-089   300-135   9A0-385   1V0-601   70-412   70-347   300-070   000-104   350-060   200-310   70-488   C_TFIN52_66   N10-006   000-017   NS0-157   c2010-657   CAP   70-413   220-801   200-310   200-120   500-260   CISM