Há “Quorum” na apresentação do novo Licoroso e Colheita Tardia da Herdade das Servas

O novo restaurante lisboeta do chef Rui Silvestre foi o lugar escolhido para a apresentação das novidades da Herdade das Servas. A ideia era haver Quorum… e houve!

Carlos e Luís Serrano Mira

A família Serrano Mira está no negócio do vinho há 350 anos e 13 gerações. Motivo mais do que suficiente para uma pequena e ligeira mudança baseada numa nova identidade.

A inclusão da assinatura “Family Winegrowing Legacy Since 1667” é o novo selo da herdade alentejana que acabou por fomentar um restyling na imagem dos vinhos e suportes gráficos.

Se entretanto reparar que o “Monte das Servas” está com uma nova imagem, um novo tipo de letra e um cortante diferente não estranhe, houve mudanças nos rótulos. Já nos “Herdades das Servas” as alterações foram mais subtis.

Mas não é só uma questão de imagem, um marco destes tem de se assinalar com vinhos à altura. Os irmãos Luís e Carlos Serrano Mira lançaram por isso as novas colheitas dos seus topos de gama: o Herdade das Servas Reserva, nos brancos, e o Herdade das Servas Vinhas Velhas, nos tintos.

Mas não é tudo! Os dois irmãos acabam de lançar duas novidades absolutas: um branco de Colheita Tardia e um Licoroso tinto. Esta dupla em garrafas de 375 ml, feita para apreciar com tempo e saborear de forma tranquila, vem alargar o espólio da Herdade das Servas.

“A Herdade das Servas está a mudar porque a nossa visão do futuro também mudou”, Luís Serrano Mira.

Está ainda previsto o lançamento de um livro onde se reconstrói o percurso das 13 gerações, que se funde com a história do vinho no Alentejo. “Um livro factual, datado, que procura ligar as vinhas aos vinhos”, avança Luís Serrano Mira.

Após a prova dos vinhos a solo, que deu a conhecer as novidades da Herdade das Servas, seguiu-se o almoço preparado pelo chef Rui Silvestre, detentor de uma estrela Michelin. O antigo chef do Bon Bon, no Alagarve, não podia ter casado melhor os pratos com os vinhos apresentados.

Vinhos & Harmonização

Herdade das Servas Colheita Tardia branco – entrada
PVP: €24,00 • Álc.: 12,5%
Herdade das Servas Reserva branco 2016 – prato de peixe
PVP: €16,50 • Álc.: 13,5%
Herdade das Servas Vinhas Velhas tinto 2014 – prato de carne
PVP: €25,50 • Álc.: 15,5%
Herdade das Servas Licoroso tinto – sobremesa
PVP: €18,50 • Álc.: 19,0%

350 anos e 350 hectares

Ricardo Bernardo, Jerónimo Heitor Coelho e Gonçalo Villaverde

+2 -0
Total
86
Shares

000-017   000-080   000-089   000-104   000-105   000-106   070-461   100-101   100-105  , 100-105  , 101   101-400   102-400   1V0-601   1Y0-201   1Z0-051   1Z0-060   1Z0-061   1Z0-144   1z0-434   1Z0-803   1Z0-804   1z0-808   200-101   200-120   200-125  , 200-125  , 200-310   200-355   210-060   210-065   210-260   220-801   220-802   220-901   220-902   2V0-620   2V0-621   2V0-621D   300-070   300-075   300-101   300-115   300-135   3002   300-206   300-208   300-209   300-320   350-001   350-018   350-029   350-030   350-050   350-060   350-080   352-001   400-051   400-101   400-201   500-260   640-692   640-911   640-916   642-732   642-999   700-501   70-177   70-178   70-243   70-246   70-270   70-346   70-347   70-410   70-411   70-412   70-413   70-417   70-461   70-462   70-463   70-480   70-483   70-486   70-487   70-488   70-532   70-533   70-534   70-980   74-678   810-403   9A0-385   9L0-012   9L0-066   ADM-201   AWS-SYSOPS   C_TFIN52_66   c2010-652   c2010-657   CAP   CAS-002   CCA-500   CISM   CISSP   CRISC   EX200   EX300   HP0-S42   ICBB   ICGB   ITILFND   JK0-022   JN0-102   JN0-360   LX0-103   LX0-104   M70-101   MB2-704   MB2-707   MB5-705   MB6-703   N10-006   NS0-157   NSE4   OG0-091   OG0-093   PEGACPBA71V1   PMP   PR000041   SSCP   SY0-401   VCP550   000-089   300-135   9A0-385   1V0-601   70-412   70-347   300-070   000-104   350-060   200-310   70-488   C_TFIN52_66   N10-006   000-017   NS0-157   c2010-657   CAP   70-413   220-801   200-310   200-120   500-260   CISM